Circuito Andino – Mendoza

Partimos de Córdoba rumo a encantadora Mendoza…

Olá Traveller!!! Tudo bem com você?

E aí? Gostou da nossa passagem por Córdoba?

Deixe nos comentários a sua experiência com o post anterior, e bora pegar mais estrada!!!

Hoje é o dia de chegarmos a Mendoza, nosso capítulo 2 e segunda parada do Circuito Andino na Argentina… vamos nessa?

Após o nosso delicioso café da manhã no hotel de Córdoba, pegamos a estrada rumo a Mendoza, uma das cidades mais aconchegantes desse circuito, sem contar as cantinas, vinícolas com aquele bom vinho argentino e os queijos.

Neste primeiro dia, chegamos mais ou menos no final da tarde em Mendoza, e descansamos um pouco da viagem, é o momento ideal para explorar o nosso hotel e conhecer os arredores, nessa primeira noite, sugerimos um jantar bem bacana com o grupo, ou se você tem um restaurante dos sonhos que queira conhecer aqui, é seu grande momento.

No dia seguinte, levantamos cedo, tomamos um belo e reforçado café da manhã, pois o dia é longo e cheio de emoções.

Vamos conhecer o centro histórico e todas as suas atrações elegantes e ótimas de um bom click (Dica: mantenha a câmera na mão, pois tiraremos muitas fotos!!!)

Bora lá:

Parque General San Martín

Portões de entrada do Parque San Martín

Um dos maiores e mais bonitos parques argentinos, é também o mais antigo, e abriga inclusive o zoológico da cidade. A visita aqui é gratuita, só paga ingresso para a entrada no zoológico. Por aqui você pode ter momentos de sossego e até fazer um piquenique nos vários jardins que se encontram por aqui.

Museu do vinho em Maipu

O museu fica na cidade do lado, Maipu, cerca de 10km do centro de Mendoza, bem pertinho e é o mais importante museu do vinho da América Latina, a história é toda contada e podemos ver em cada peça alio como se deu a tão famosa qualidade dos vinhos argentinos. É uma chuva de cultura e vale muito a pena conhecer.

Teatro Grego Fran Romero Day

O famoso teatro em que acontece a grande “Fiesta de La Vendímia”, ele fica dentro do Parque General San Martín e é aberto para visitação todos os dias.

Esses são lugares incríveis de se conhecer, e não podemos perder essa oportunidade… mas agora, vou te contar algumas curiosidades sobre Mendoza…

Curiosidades

  1. Mendoza é um dos maiores produtores de vinho da América Latina, seus vinhos são referência e são considerados um dos melhores do mundo.
  2. Você sabia que em Mendoza chove cerca de 15 dias POR ANO apenas?! 300mm de chuva e nada mais…e o abastecimento de água como fica?
  3. A cidade é abastecida em sua maioria, pela água de degelo que desce das montanhas, e com ela, as plantações, casas e rios são abastecidos e sustentados.
  4. Pra onde você olhar, terão ótimos vinhos te esperando, na cidade a oferta dos melhores vinhos é enorme, e você poderá trazer na bagagem, são bem baratos e você ainda conhece o processo de produção.
  5. Cassinos!!!! Se você gosta de uma boa jogada, a noite de Mendoza está pra você! A cidade e toda a região estão repletas de cassinos…e são muito bons!

Legal né?!

Mas vamos falar agora sobre algumas dicas gastronômicas, que não podem faltar no seu cardápio Mendocino.

Cardápio

Alfajor Entre Dos
Mendoza-Argentina

– Alfajor: outro grande clássico argentino que não temos vontade de parar de comer. Em Mendoza, essas delícias são feitas com maizena e se dissolvem na boca, aquele belo doce de leite argentino como recheio e em um piscar de olhos você está no paraíso. Um café de fim de tarde em Mendoza com seu alfajor e você vai ficar ali pra sempre rsrs… se quiser levar pra casa, não deixe de comprar os famosos alfajores da “Entre Dos”, uma marca local de tradição e uma delícia.

Empanadas
Uma delícia argentina, muito apreciada em Mendoza

– Empanadas: é um clássico e uma tradição, uma delícia que dá vontade de comer mais, e vale experimentar com um bom vinho.

– Churros Mendocinos!!! Outra iguaria que em Mendoza tem um sabor todo especial e que tem tradição, “Churrico” é o nome da empresa mais famosa em Mendoza, e sim, vale a pena degustar.

Enfim… Mendoza é uma cidade encantadora e vale a pena conhecer cada cantinho.

Temos um e-book especial falando de várias outras coisas sobre Mendoza, se quiser recebê-lo, deixe nos comentários o seu e-mail ou WhatsApp, que te enviamos com todo carinho.

E aí traveller? Gostou da experiência?

Abraço e até a próxima!!

Estar em Casa x Próxima Viagem

Olá Travellers!! Tudo bem?

Hoje venho aqui pra conversar um pouco com vocês, sobre esse momento que estamos passando, que é delicado pra todos, e já que tivemos que dar uma pausa, que tal transformar o planejamento de sua próxima viagem, num grande prazer?!

Vamos falar um pouquinho sobre isso?

Uma boa pedida, é usar o seu tempo disponível para pesquisar sobre o roteiro escolhido, sua história e curiosidades. Assim você explora muito mais as informações passadas pelos guias de turismo e aproveita o tempo livre da programação em experiências que você mesmo pode montar e desfrutar… muito bacana né?!

Imagina, você criar um mini roteiro particular de lugares que gostaria muito de conhecer, mas que não estão no roteiro oficial da viagem, uma dica é pegar as noites livres, pois sempre chegamos ao hotel de tardezinha, no crepúsculo, então é uma ótima pedida pra sair e conhecer mais a cidade e visitar aquele restaurante ou aquele pub que você leu sobre e queria muito conhecer.

Antecedência

Com antecedência, você também consegue organizar suas finanças para não comprometer o orçamento futuro, e pela experiência que temos, já viajar com a viagem quitada, deixa tudo mais leve e gostoso, além de só ter os gastos pessoais mesmo, como almoço, lanches, jantar e souvenir dos locais visitados.

Grupo Patagônia – Novembro 2019

Sobre estar em casa, mas sonhando com o próximo destino

Sabemos que ficar em casa é muito bom, mas também reconhecemos o valor da liberdade de ir e vir, visitar outros lugares e viver novas experiências!

Quando esse período difícil passar, o que mais queremos é voltar a viajar e explorar cada cantinho do tão sonhado roteiro, não é mesmo?!

E pode ter certeza, vai passar e estaremos juntos na próxima viagem!!!

Vantagens da viagem rodoviária

Grupo Incrível Chile – Fevereiro 2020
  1. Viajar de ônibus fretado não expõe os passageiros ao intenso fluxo de aeroportos e rodoviárias;
  2. O convívio no interior do ônibus é sempre com as mesmas pessoas e temos a liberdade de mudar de poltrona, se alguma próxima estiver vazia;
  3. É possível nos certificarmos de que nenhum parceiro de viagem está com febre ou outros sintomas gripais;
  4. Ao descer nos pontos turísticos, todos se protegem com máscaras e álcool gel;
  5. O ônibus dispõe de todo o necessário para a lavagem das mãos: lavatório, sabonete líquido, papel toalha e álcool gel;
  6. O ônibus é higienizado seguindo todas as normas sanitárias para prevenção de transmissão de doenças;

 E aí traveller? Gostou do nosso bate papo?

Deixe nos comentários o que achou e outras questões que gostaria de saber mais.

Abraço e até mais!!

Grupo de viagem - Elos Travel

Circuito Andino – Córdoba

Partindo de Porto Alegre/RS, pegamos a BR-290 rumo a Uruguaiana…

Olá Traveller!!! Tudo certinho??

Como foi a experiência na organização da viagem?? Ainda tem dúvidas?

Deixa nos comentários que faremos mais posts sobre mala, viagem no verão, viagem no inverno… comenta lá!

Hoje é o dia de chegarmos a Córdoba, nosso capítulo 1 e primeira parada do Circuito Andino na Argentina… vamos nessa?

Nossa cliente e amiga Mariane Bernardi, fez essa foto em nosso ônibus, pegando o pôr do sol.
Primeiro dia de estrada.
Saída: Circuito Andino Julho 2018

Após passarmos a noite em viagem, chegamos em Córdoba e temos a parada para o café da manhã, antes de nossa chegada ao hotel, esse nosso primeiro dia é bem movimentado, então vale a pena fazer uns exercícios de alongamento, já que passamos um bom tempo sentados nas poltronas do ônibus.

Depois de nossa acomodação no hotel, temos um breve descanso, almoçamos na primeira hora da tarde e fazemos o primeiro passeio pela cidade, para conhecermos o centro da cidade, pontos turísticos e a Villa Carlos Paz, que é uma província de Córdoba.

Nossa cliente e amiga, Janete Syka, curtindo a manhã no terraço do hotel de Córdoba.
Saída: Circuito Andino Junho 2018

Retornamos ao nosso hotel no final da tarde, onde podemos descansar. Essa primeira noite é livre, algumas pessoas gostam de explorar o centro, outras preferem saborear o cardápio do hotel, então fica de acordo com a tua vontade.

  • Vamos falar um pouquinho sobre as curiosidades de Córdoba?

Você sabia que é uma cidade apaixonada por teatros? Pois é, na cidade, que é a segunda maior da Argentina, perdendo apenas para a capital Buenos Aires, tem mais de 50 teatros com peças folclóricas, românticas, Broadway… tudo que quiser assistir, você pode encontrar algo parecido em Córdoba, é bem legal.

Por ser uma cidade muito cultural, nós podemos apreciar a sua incrível arquitetura, que nos remete muitas vezes aos tempos coloniais, e a cidade também possui um grande acervo religioso, ao qual podemos desfrutar nos seus museus históricos e até mesmo nas catedrais.

A Catedral de Córdoba, a principal da cidade, fica na Praça San Martin e é muito importante, pois é a igreja romana mais antiga ainda em uso da Argentina, tendo suas missas desde 1598 e até hoje é um símbolo de orgulho para eles.

Catedral de Córdoba – Praça San Martin
Foto de Carol Sellmer, nossa fotógrafa na viagem
Saída: Incrível Chile Setembro 2018
  • Quem nasce em Córdoba, é o que?

O nativo de Córdoba é Cordobés, e pense num povo alegre e gentil, como estão acostumados com o turismo pois grande parte da economia da cidade, gira em torno dos turistas, eles são um povo muito gentil e hospitaleiro.

  • E a noite em Córdoba, tem lugares legais para conhecer?

Sim!! Córdoba a noite é uma cidade muito jovem e ativa, com muitos bares e pubs pra lá de animados.

E se você quiser conhecer uma das famosas tavernas de Córdoba, posso citar aqui a Taberna La Fuenseca, que está em funcionamento desde 1852 e continua animando as noites por lá, com um belo flamenco e a história de Córdoba toda contadas em suas paredes. Sim, pelas paredes do bar, existem centenas de quadros com fotos que remontam a história de Córdoba e do próprio bar, é uma ótima opção para conhecer.

E lembre-se, o guia sempre tem uma boa dica que vai se encaixar com o que você quer conhecer.

Uma das grandes atrações também em Córdoba, é a Cripta Jesuítica, que é um monumento tombado pela UNESCO como patrimônio histórico da humanidade.

Cripta Jesuítica – Córdoba/Argentina

Sua construção foi feita em 1723, e depois de 200 anos ela foi soterrada, para só ser redescoberta em 1989, quando trabalhadores buscavam cabos telefônicos e deram de encontro com a Cripta.

Vale a pena passar por lá e ver a linda arquitetura.

E aí traveller? Gostou da experiência?

Deixe nos comentários o que achou dessa cidade e logo logo postaremos tudo sobre Mendoza, nossa próxima parada na Argentina, e seguimos nosso Circuito Andino.

Abraço e até mais!!

Circuito Andino – 5 passos

O começo da nossa jornada começa aqui… vamos lá?!

Olá Traveller!!

Como estão os sonhos de viagem? Sonhando com verão ou inverno?

Hoje venho aqui, pra te levar pra uma aventura rodoviária conosco, como sabem, temos os Circuitos Sobre Rodas e nele temos a saída “Circuito Andino”, uma viagem linda e emocionante com duração de 18 dias e muitos kms percorridos.

Vamos embarcar nessa com a gente?

Pra começar a viagem, vou falar pra você sobre os preparativos e o que é importante levar e ter em mente durante a viagem, então começa aqui os Cinco Passos para o Circuito Andino. Bora nessa?

Passo 1: Saída de Porto Alegre/RS

Uma das maiores dúvidas nos nossos travellers é sobre o embarque em Porto Alegre, pois 80% do pessoal vêm de outros estados, então vir até Porto Alegre, já é o começo da viagem. Então pra você que não reside no RS, nós damos a dica de planejar a viagem com antecedência, pois os voos antecipados saem bem mais em conta, 2 ou 3 meses antes da viagem já é um ótimo tempo de programação.

Para o pessoal de estados próximos como SC e PR, também damos a opção de vir de ônibus e desembarcar na rodoviária de Porto Alegre, ou vir de carro e deixar no estacionamento.

Passo 2: Cheguei em Porto Alegre/RS, e agora?

Mercado Público Central de Porto Alegre/RS

O começo do embarque da nossa viagem é as 6h00 da manhã, então é bom chegar um dia antes ou com algumas horas de antecedência, para que possa descansar um pouco até o momento de colocarmos o pé na estrada.

Uma dica para quem chega um dia antes, é aproveitar o que temos de melhor na capital gaúcha, conhecer um pouco da cultura e culinária, temos um roteiro de 1 dia em Porto Alegre que ajuda o pessoal a conhecer e a comer um bom churrasco tchê.

Para hospedagem, temos um hotel parceiro que fica bem ao lado do local de embarque, são super atenciosos e prestam um ótimo serviço, vale a pena se hospedar com eles. (ao final da postagem, coloco os dados do hotel)

Passo 3: Dia do embarque, o que fazer?

Embarque da saída Circuito Uruguai em Fevereiro de 2020

O grande dia chegou e o nervosismo toma conta, afinal a aventura vai começar e precisamos estar atentos a todos os detalhes para que nada fique fora do lugar.

Começamos então pela documentação, já deixe em mãos os seus documentos e voucher de viagem, o documento obrigatório para a viagem é o RG de modelo novo ou com no máximo 10 anos de emissão, isso é imprescindível pra que a viagem comece com o pé direito. Bagagem de mão, com itens pessoais e de higiene, bem como remédios e uma muda de roupa, visto que a bagagem principal só será entregue ao passageiro quando chegarmos no hotel de Córdoba, que é nossa primeira parada para hospedagem na viagem.

Com isso feito, é só seguir para o ônibus e conhecer os novos colegas de viagem, que se tornarão seus novos bons amigos.

Passo 4: Acomodação no ônibus e convivência com os demais

Nosso ônibus possui poltronas amplas e confortáveis, para que a viagem seja muito mais aconchegante.

Após o check-in com nossos motoristas e guia de viagem, chega o momento de entrar no ônibus e finalmente conhecer sua poltrona, que já foi escolhida antecipadamente.

Há um bagageiro em cima da sua poltrona, em que cabe a bagagem de mão, e se quiser levar seu travesseiro pessoal e cobertor, também é válido para uma viagem mais aconchegante e quentinha.

O colega do lado está tão ansioso quanto você, então comecem a sonhar juntos em como será quando chegarmos em Córdoba, quais seus sonhos e expectativas… é um bom papo e vocês vão se identificar bastante.

Passo 5: Siga as instruções do guia de viagem e motoristas

Nosso guia Gonçalo Modernel, com o grupo do Incrível Chile em Fevereiro de 2020

Nossos guias são muito capacitados e já fizeram várias e várias viagens conosco, então qualquer dúvida que tiver sobre o roteiro, pode perguntar que eles vão te ajudar e conduzir pelo melhor caminho.

O guia será seu GPS nessa viagem, e também irá te passar todo o seu conhecimento sobre lugares, passeios, restaurantes, compras, shoppings e etc.

E aí traveller? Gostou da experiência?

Deixe nos comentários o que achou dessa aventura e logo logo postaremos tudo sobre o capítulo 1 da nossa série da Argentina, nossa primeira chegada no Circuito Andino.

Abraço e até mais!!